Segundo o responsável pelo Programa Alimentar Mundial (PAM) no Timor-Leste, Dangeng Liu, o país “não produz alimentos suficientes para alimentar a população. Setenta por cento do arroz consumido é importado, mas, com a Covid-19, muitos dos países fornecedores suspenderam as exportações”.

Veja mais em: https://e-global.pt/noticias/lusofonia/timor-leste/timor-leste-covid-19-poe-em-risco-condicoes-alimentares-do-povo/

 Subscreva a newsletter da Alimenta CPLP!

ao subscrever, o usuário concorda com nossa política de privacidade. saiba mais aqui.